Que se o Lúcio disse / então é salvação

Lúcio Ribeiro, o jornalista pop-indie que todo mundo adora falar que odeia mas ninguém deixa de ler, caiu fora da Folha/Uol e levou sua Popload para domínio próprio.

Pra quem acompanhava seu agora falecido espaço online, a promessa de transformar a coluna em um blogue é (muito) velha. Mas agora a idéia foi radicalizada e encontrou abrigo no portal iG.

Nos bastidores, os planos de Lúcio são ambiciosos. Oficialmente, no novo site, ele já promete um bocado: posts diários, coluna semanal, podcast com Fábio Massari e um "mapa" do indie nacional. Resta ver se vai dar conta de cumprir.

A coisa toda entrou no ar na sexta, junto com a despedida oficial na Pensata e no pé de página da Folha. O primeiro post oficial, hoje, já é furo: show do Franz Ferdinand, setembro, em São Paulo.

Espero que dê pé, apesar do sistema capenga do Blig. Mas a impressão que bate é que o site entrou no ar às pressas, com muita coisa ainda em teste. Difícil navegar por três links sem dar de cara com um "ipsis literis" genérico, o que é um bocado feio. Exemplo maior é o tal Mapa do Rock. Projeto louvável, já está linkado e disponível, só com conteúdo fake.

Custava ter um pouco mais de calma?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: